Notícias

Barreiras de Género no acesso a serviços de saúde continuam a ser um desafio para o MISAU

A integração do Género na oferta de serviços de saúde continua um desafio para o Ministério da Saúde (MISAU). Esta foi a constatação a que se chegou num encontro realizado pela Unidade de Género esta Quinta-feira, 30 de Maio, em Maputo, com o objectivo de Divulgar os Indicadores de Género ligados ao Sector da Saúde.

Falando na abertura do evento, a Directora de Planificação e Cooperação no MISAU, Sãozinha Agostinho, disse que a instituição reconhecia os desafios para a integração do Género na oferta de serviços a todos níveis.

Por essa razão, sublinhou a Directora de Planificação e Cooperação, que foi feita uma proposta que visa melhorar o quadro de indicadores, num processo que envolveu várias entidades.

Agostinho acrescentou que os indicadores harmonizados permitirão monitorar através de evidências, a actuação do sector na promoção da igualdade de género e respeito pelos direitos humanos, o que fará com que o cidadão possa gozar dos seus plenos direitos aos cuidados de saúde sem discriminação, independentemente do sexo, orientação sexual, faixa etária.

Participaram no encontro quadros do Ministério da Saúde do nível central e provincial, instituições do Governo, Parceiros de Cooperação, Organizações Não-Governamentais e Sociedade Civil, tendo na ocasião debatido as melhores estratégias que contribuirão para o fortalecimento e integração de género nos cuidados de saúde.

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *