Notícias

Em curso 10ª ronda de vacinação contra a pólio

Moçambique está desde o ano 2022, a realizar campanhas de vacinação contra a pólio, em resposta a três surtos diferentes da doença, nomeadamente o PSV1 (8 casos), cVDPV1 (27) e cVDPV2 (6).

Entretanto, ainda que em resultado a esforços colectivos (Governo através do Ministério da Saúde e parceiros), o país tenha recentemente sido declarado livre da circulação do PSV1, continua a preocupação em relação a outras duas estirpes, a cVDPV1 e cVDPV2.

É nesse quadro que hoje, 28 de Maio, arrancou mais uma ronda de vacinação, com o objectivo de bloquear a circulação do cVDVP1.

Trata-se da 10ª Ronda de Vacinação contra a Pólio que prevê alcançar todas as crianças e adolescentes menores de 15 anos, de 45 distritos do país (todos distritos da província da Zambézia), 9 distritos da província de Tete, 8 da província de Cabo Delgado e 6 do Niassa, que ainda representam risco de circulação do cVDVP1.

A vacinação está a ser realizada nas escolas, de casa em casa e nos centros de saúde e, para o efeito, foram mobilizadas pouco mais de 9 mil equipas, correspondendo a perto de 34 mil pessoas, entre eles, vacinadores, mobilizadores, registadores, supervisores, coordenadores, digitadores de dados, logísticos, monitores independentes, parceiros, motoristas, entre outros.

O processo vai custar cerca de 3.7 milhões de dólares americanos, entre fundos do Governo de Moçambique e de Parceiros de Cooperação, maioritariamente alocados ao nível distrital e provincial.

O evento de lançamento aconteceu no Distrito de Mueda, na Província de Cabo Delgado e contou com a participação do Director Nacional de Saúde Pública no Ministério da Saúde (MISAU), Dr. Quinhas Fernandes, o representante da Organização Mundial da Saúde, em Moçambique (OMS), Dr. Severin von Xylander. A vacina é gratuita, oral (duas gotas) e não causa efeitos colaterais.

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *